Uma jovem estudante sentiu-se mal e terá entrado em coma alcoólico durante um ritual de praxe académica na praia de Faro, no Algarve, esta quarta-feira.
 
A caloira de 19 anos, do curso de Biologia da Universidade do Algarve, foi transportada de ambulância para o hospital de Faro, mas já se encontra bem.
 
A praxe, que se realizou durante a noite, consistia em enterrar os alunos na areia, na horizontal. Estes ficavam só com a cabeça de fora e seriam obrigados a ingerir bebidas alcoólicas.
 
Uma amiga da família da estudante praxada contou à reportagem da TVI o que testemunhou na praia de Faro.