As autoridades espanholas iniciaram, por volta das 08:00 (mais uma hora em Espanha) desta terça-feira, as operações de resgate ao corpo do português desaparecido desde sábado, quando praticava 'canyoning' na zona de Ourense, na Galiza, disse fonte da Guardia Civil.

Em declarações à agência Lusa, fonte da Guardia Civil de Ourense adiantou que "a água que cai sobre a fenda onde o corpo do português se encontra encaixado é o principal problema com que se debatem os seis elementos da equipa de montanha daquela força policial envolvidos na operação".

Os trabalhos de resgate do corpo decorrem desde segunda-feira em Corga de Frecha, em pleno Parque Natural da Peneda Xures, uma zona de "muito difícil acesso".

De acordo com a fonte da Guardia Civil espanhola "o mau tempo que se faz sentir hoje está a dificultar ainda mais as operações, uma vez que a rocha onde os elementos da equipa de montanha estão a trabalhar está molhada e escorregadia, constituindo um risco acrescido".

O acidente ocorreu no sábado, às 21:00, quando o português de 38 anos e mais três pessoas praticavam ?canyoning'.

Na altura, fonte do Comando Territorial da GNR de Viana do Castelo, disse que o homem "caiu numa fenda de difícil acesso", em Corga de Frecha,no município de Lobios, quando praticava ?canyoning' com mais três pessoas, dois homens de 29 e 51 anos e uma mulher de 30, entretanto resgatados e que se encontram bem".

O corpo foi localizado na segunda-feira, na mesma zona, mas o dispositivo de busca não conseguiu ainda aceder a ele, devido ao forte declive e à força das águas.

Também fonte do Centro de Comando e Controlo Operacional da GNR contactada pela Lusa disse que "o alerta às autoridades foi dado pelos outros três praticantes, através do 112".

Canyoning, ou canionismo, é um desporto que consiste na exploração progressiva de um rio, transpondo os obstáculos verticais e anfíbios, através de diversas técnicas e equipamentos.

Este desporto "nasceu" no final da década de 1970 na Europa, mais precisamente em França e em Espanha, e em Portugal está a crescer rapidamente, uma vez que o país tem diversos rios que proporcionam esta prática desportiva.