Um homem de 44 anos morreu esta sexta-feira numa praia nos limites do Porto e de Matosinhos, indicou fonte da Polícia Marítima, apontando "não ser possível para já apurar as causas da situação".

Em declarações à agência Lusa, o comandante da Capitania do Porto de Leixões, Teixeira Pereira, explicou que o alerta sobre o desaparecimento do homem, que residia em Matosinhos, foi dado por familiares que se encontravam na praia e que a vítima foi encontrada mais tarde, já à superfície da água, "sem reação".

Não é possível para já identificar a causa da situação", disse a mesma fonte.

O alerta dos familiares ocorreu cerca das 13:30 numa zona não vigiada conhecida como "Praia Internacional", nos limites dos concelhos do Porto e Matosinhos.

Os nadadores salvadores das zonas concessionadas mais próximas, bem como surfistas que estavam no local procederam à procura do homem, cujo óbito "foi declarado no local depois de várias tentativas de reanimação", indicou Teixeira Pereira.

A vítima foi encaminhada para o Instituto de Medicina Legal do Porto.

No local estive o INEM, bem como elementos da Polícia Marítima e da PSP.