O cidadão espanhol suspeito de homicídio detido pela Divisão de Investigação Criminal da PSP do Porto «vai ser extraditado nos próximos dias», disse fonte do Tribunal da Relação do Porto, citada pela Lusa.

O suspeito, sobre quem pendia um mandado de captura europeu, foi segunda-feira presente ao Tribunal.

Segundo fonte policial, o homem de 46 anos, natural da província espanhola das Astúrias, foi detido numa pensão no Campo 24 de Agosto, no Porto, onde residia desde Setembro de 2008.

A fonte disse desconhecer os contornos do crime no qual o homem está presumivelmente envolvido, assim como a localidade espanhola onde terá sido cometido.