O indivíduo que deixou um pacote suspeito na Ponte 25 de Abril, em Lisboa, na segunda-feira, já foi identificado. A PSP terá identificado o suspeito através de uma testemunha e ainda com a ajuda das câmaras de vigilância da ponte. No entanto, não se conhecem detalhes sobre a identidade do suspeito.

O suspeito pode incorrer numa multa de 300 a 1.500 euros ou numa pena de prisão até cinco anos.  Se a investigação concluir que em causa está apenas um ilícito contra-ordenacional, o suspeito incorre numa multa de 300 a 1.500 euros, mas, se for de natureza criminal, a punição pode ir de um a cinco anos de prisão.
  
O pacote deixado no tabuleiro da ponte, que obrigou ao corte do trânsito durante cerca de duas horas, era afinal um saco com roupa.

Segundo fonte policial, o pacote, que deu origem à “suspeita de bomba”, estava localizado na torre 4 da ponte 25 de Abril.

No local estiveram elementos das equipas do centro de inativação de explosivos da unidade especial de polícia da PSP bem como elementos da divisão de trânsito, que um pouco por toda a cidade, tentaram informar os condutores sobre as melhores vias para aceder à margem sul do Tejo.