A rapidez do socorro foi essencial. O barco com um único tripulante voltou-se na tarde de sexta-feira, cerca das 17:15, na praia da Gelfa, em Vila Praia de âncora.

A prontidão dos meios do piquete local da Polícia Marítima, que chegaram ao local em cerca de 10 minutos, contribuiu para o sucesso da missão de salvamento", referiu o capitão do porto local, Gonzalez dos Paços, ouvido pela Agência LUSA.

De acordo com o capitão do porto foi assim possível resgatar o náufrago, que ainda assim conseguiu aguentar-se em cima do casco do barco.

A embarcação virou e o tripulante conseguiu subir para o casco aguardando pela chegada do socorro. O náufrago encontrava-se bem. A embarcação foi rebocada para Vila Praia de Âncora", afirmou o comandante da Polícia Marítima de Caminha.