Um cidadão estrangeiro foi detido pelo homicídio e ocultação de cadáver de uma brasileira, de 30 anos, em Vila Nova de Gaia, informa a Polícia Judiciária, nesta segunda-feira.

O suspeito, de 42 anos, foi detido em França a 28 de setembro, na sequência da emissão de um Mandado de Detenção Europeu. Foi depois entregue a elementos da Polícia Judiciária, que conseguiram localizar o cadáver enterrado em Vila Nova de Gaia.

O crime remonta a 1 de outubro de 2015 e terá sido cometido devido a desavenças por questões financeiras decorrentes da coabitação entre ambos. De acordo com os indícios, explica a Judiciária, o suspeito terá agredido a vítima, residente no Porto, na sequência de uma discussão, ao ponto de lhe provocar a morte, seguindo-se a ocultação do cadáver.

Este homem, que fugiu de Portugal, era o principal suspeito do rapto e desaparecimento da vítima.

O detido foi presente a primeiro interrogatório judicial, ficando a aguardar julgamento sujeito à medida coação de prisão preventiva.