A Polícia Judiciária (PJ) de Braga, com a colaboração da GNR de Felgueiras, deteve um suspeito de autoria de um fogo florestal que consumiu 50 metros quadrados de mato.

Em comunicado, a PJ refere que "o suspeito, residente na freguesia onde ocorreram os incêndios, terá atuado com recurso a um isqueiro que possuía e que foi apreendido".

De acordo com a PJ, o fogo não atingiu outras proporções "devido à pronta intervenção da ofendida, populares e bombeiros, que rapidamente extinguiram o fogo antes de atingir uma significativa mancha florestal e habitações".

Em comunicado, a autoridade assinala que o detido, de 47 anos, já estava indiciado pela prática de factos semelhantes e vai ser presente à autoridade judiciária competente.