A Polícia Judiciária anunciou esta quarta-feira a detenção de um homem de 32 anos, em Arganil, suspeito de ter incendiado uma galera carregada com mercadoria, causando prejuízos de 50 mil euros.

A PJ deteve o homem, solteiro, "pela presumível prática de um crime de incêndio numa galera", veículo de carga sem tração própria, ocorrido no sábado, informa a Diretoria do Centro daquela polícia em comunicado.

O arguido usou chama direta para atear o incêndio e atuou por razões ainda não apuradas", acrescenta.

Na sequência de um primeiro interrogatório judicial, o detido fica sujeito a apresentações diárias no posto da entidade policial da área da sua residência.