A PJ desarticulou um grupo de traficantes de droga após ter detido cinco pessoas no concelho de Ponta Delgada e na zona da Grande Lisboa e apreendido mais de 15 quilogramas de pólen de haxixe, indicou hoje aquela polícia.

Em comunicado, a Polícia Judiciária adianta que os quatro homens e uma mulher estão “fortemente indiciados” pelo crime de tráfico de droga e foram detidos pelo Departamento de Investigação Criminal de Ponta Delgada, em articulação com a Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes, no âmbito de uma investigação em curso.

Segundo a PJ, três detenções ocorreram no concelho de Ponta Delgada e duas na zona da Grande Lisboa durante uma operação policial, em que foram feitas diversas buscas nestas duas regiões.

A PJ refere que a operação permitiu a apreensão de mais de 15 quilogramas de pólen de haxixe, suficiente para cerca de 30.000 doses individuais, bem como um motociclo, dinheiro e um elevado número de equipamentos de comunicações e informático, além de outros relevantes elementos probatórios.

A investigação contou com a colaboração da GNR, através da sua equipa cinotécnica.

Os detidos, com idades entre os 23 e os 37 anos, foram presentes a primeiro interrogatório judicial, tendo quatro deles ficado em prisão preventiva.

A PJ indica ainda que um dos detidos foi recentemente condenado numa pena de prisão superior a oito anos por factos idênticos.