O presumível autor de um assalto à mão armada ocorrido em fevereiro num estabelecimento de diversão no centro do Porto foi detido pela Polícia Judiciária (PJ), anunciou esta quarta-feira aquela força policial.

Indiciado pelo crime de roubo agravado, o detido - com 51 anos e sem ocupação laboral - terá ameaçado com uma arma de fogo o funcionário da bilheteira do estabelecimento de diversão, coagindo-o a entregar-lhe o dinheiro existente na caixa e pondo-se de imediato em fuga, refere a PJ em comunicado.

Segundo adianta, na origem do crime terá estado o «impedimento de acesso à sala de espetáculo sem a prévia aquisição do respetivo bilhete».