A Polícia Judiciária (PJ) anunciou hoje a detenção de dois homens suspeitos dos crimes de sequestro, roubo agravado e tentativa de homicídio na A3, junto às portagens da Maia, a 15 de agosto.

Em comunicado enviado à Lusa, a diretoria do Norte da PJ revela que os crimes foram praticados contra «um cidadão, proveniente de Espanha, que se dirigia para a cidade do Porto», que um dos detidos atropelou «brutalmente».

A vítima foi «abordada pelos detidos numa área de serviço anterior àquelas portagens», «obrigada a abandonar o local» na companhia dos dois homens, e acabou por ser «brutalmente atropelada» por um dos homens quando, junto portagens, fugiu da viatura em que seguia para procurar ajuda, revela a PJ.

Agora, aquela força policial conseguiu identificar e deter «dois homens pela presumível autoria de crimes de sequestro e roubo agravados e tentativa de homicídio, perpetrados em 15 do corrente mês e ano».

Os detidos, com as idades de 40 e 45 anos, um dos quais com antecedentes criminais, já foram presentes a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.