Um homem de 45 anos foi detido no concelho da Lousã por suspeita da prática reiterada de abusos sexuais a uma menor de 12 anos, filha da companheira, anunciou a Polícia Judiciária.

Fonte da diretoria do Centro disse esta segunda-feira à agência Lusa que o homem, manobrador de máquinas na construção civil, foi detido no dia 07 de maio e presente ao Tribunal de Instrução Criminal (TIC) de Coimbra dois dias depois, no âmbito de investigações que decorriam desde o final de abril.

A mesma fonte adiantou que os abusos decorriam desde o início do ano, na casa que ambos partilhavam, «continuando numa escala da mais gravosa, que levou a menina a denunciar a situação na escola».

O detido vivia «há muitos anos» em união de facto com a mãe da criança, desde que esta era bebé, mantendo com ela uma relação de «pai para filha».

Após o primeiro interrogatório judicial, o TIC de Coimbra sujeitou o suspeito à obrigação de abandonar a localidade onde reside a vítima, proibição de contactar com a criança e à apresentação periódica às autoridades.