A Polícia Judiciária (PJ) anunciou, esta quinta-feira, a detenção de um homem de 34 anos, na zona de Mangualde, distrito de Viseu, pela presumível prática de vários crimes de abuso sexual de crianças, de que foi vítima a filha.

Em comunicado, a Diretoria do Centro da PJ, sediada em Coimbra, informa que o arguido, agricultor, terá praticado os crimes desde 2012.

Presente a primeiro interrogatório judicial, foi determinado que o arguido aguardasse o desenvolvimento do inquérito em prisão preventiva.

Fonte da PJ adiantou à agência Lusa que “os abusos começaram quando a menina tinha quatro anos” e ocorriam em casa, quando estava a sós com a menor.

A mesma fonte afirmou que o inquérito foi iniciado no final da semana passada, após a situação ter sido relatada a uma professora, tendo a escola comunicado à PJ.

O arguido, casado, atualmente desempregado e sem antecedentes criminais, foi detido na segunda-feira e presente a primeiro interrogatório judicial no dia seguinte.