A Polícia Judiciária deteve um homem pelo crime de contrabando. O indivíduo, de 62 anos, e de nacionalidade portuguesa, tentou  introduzir em Portugal 11 ovos e uma cria de papagaios do Brasil, de espécie protegida ( Amazona Brasiliensis).

O detido está indiciado por crimes de contrabando qualificado e de danos contra a natureza (Convenção CITES – Convenção Sobre o Comércio Internacional das Espécies Ameaçadas da Fauna e Flora Selvagem), nota a Lusa.

A cria e os ovos, cujo valor de mercado é estimado em cerca de 60 mil euros, foram encaminhadas para centros de acolhimento especializados.

A investigação, dirigida pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção (UNCC) da PJ, contou com a colaboração do Instituto de Conservação da Natureza e Florestas.