A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal de Braga, anunciou esta quarta-feira a detenção de um homem, de 56 anos, por suspeita da prática de um crime de incêndio e de um crime de violência doméstica, em Fafe.

Em comunicado, a PJ esclarece que, “em abril, o suspeito, agindo num quadro de maus tratos e violência doméstica que já se verifica há vários anos, esperou que a mulher se deslocasse para o trabalho e deitou fogo à casa onde ambos residem”.

Segundo a PJ, o incêndio “causou danos avultados” na habitação, apesar de “prontamente combatido pelos bombeiros que, assim, evitaram o colapso do edifício”.

O detido já foi presente às autoridades judiciárias competentes, tendo-lhe sido aplicadas as medidas de coação de afastamento daquela residência e local dos factos, proibição de contactar a vítima e obrigação de tratamento médico ao consumo de álcool.