A Diretoria do Norte da Polícia Judiciária (PJ) anunciou, esta segunda-feira, a detenção de um homem suspeito de atear fogo à sua própria habitação, em Gondomar.

Um comunicado policial precisa que o homem, de 28 anos, ateou fogo a uma das divisões da habitação, «que foi totalmente consumida pelas chamas, que só não se propagaram às casas contíguas dada a rápida e eficaz intervenção dos bombeiros».



O ato surgiu na sequência de uma discussão com a mulher do suspeito, «na sequência da qual a mulher se retirou para casa de um familiar», acrescenta a polícia.

O detido vai ser presente à autoridade judiciária para primeiro interrogatório e aplicação de medidas de coação.