Um homem suspeito de agredir outro com diversos golpes de machado, na zona de Queluz, concelho de Sintra, vai aguardar o inquérito judicial em prisão preventiva, informa hoje a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL).

Segundo a nota publicada na página da internet da PGDL, no passado dia 12 de outubro, cerca das 06:30, um homem agrediu outro «com um número indeterminado de golpes de machado, provocando-lhe múltiplas fraturas maxilo-faciais e cervicais».

Em consequência das agressões, a vítima encontra-se «em risco iminente de morte», acrescenta-se na mesma nota do Ministério Público.

O suspeito das agressões foi presente ao Juiz de Instrução Criminal de Sintra, no Tribunal de Lisboa Oeste, sendo-lhe imputado pelo Ministério Público o crime de homicídio qualificado na forma tentada.

A nota da PGDL conclui que o arguido ficou «a aguardar os ulteriores termos do processo na situação de prisão preventiva, judicialmente decretada».