do petroleiro encalhado desde sábado junto à marina de Cascais

“Os sete rebocadores estão prontos para operar, mas é preciso primeiro estabilizar o navio, através de movimentações de lastro”.







Marinha socorreu veleiro francês ao largo de Olhão