Quatro homens foram detidos durante a madrugada deste sábado, no Porto, depois de terem encetado uma fuga automóvel na sequência do furto de um café em Matosinhos. Um dos indivíduos acabou baleado, segundo a PSP.

Depois de detetada a intrusão num café de Leça do Balio, no concelho de Matosinhos, distrito do Porto, a polícia deslocou-se ao local, pelo que os quatro homens – de idades entre os 20 e os 28 anos – entraram no carro e puseram-se em fuga «a grande velocidade e na direção da viatura policial», segundo comunicado da Polícia de Segurança Pública, que é citado pela Lusa.

Já no Porto, entre a rua do Amial e a Circunvalação, foi feita uma tentativa de interceção dos suspeitos através de uma barreira com carros policiais, que veio a ser contornada por cima do passeio com tentativa de atropelamento dos agentes, e levou a que fossem efetuados dois disparos por parte da PSP.

Algumas ruas mais à frente o carro veio a parar depois de embater contra dois veículos estacionados e os suspeitos ainda tentaram fugir a pé, mas foram aí intercetados, pelas 03:55.

De acordo com o comunicado, foi nesse momento que se percebeu que um dos homens tinha ferimentos «possivelmente decorrentes de um projétil de arma de fogo», tendo sido transportado para o Hospital de São João, estando fora de perigo neste momento, segundo fonte da PSP.

A mesma fonte adiantou à Lusa que os detidos já estavam referenciados por furtos quer de viaturas, inclusive da que utilizaram para a fuga, quer de estabelecimentos.

No veículo foram encontrados 31 maços de tabaco, duas máquinas de brindes, uma gaveta de caixa registadora, para além de um pé-de-cabra, uma gazua e dois pares de luvas.

A PSP acrescentou ainda que o suspeito que conduzia o veículo em fuga não possuía carta de condução.