"A condução é um ato de muita responsabilidade, Se não tinha esta noção, espera-se que a venha a ter no futuro. Conduzir na estrada não é só saber dominar a máquina. É preciso saber os limites e as responsabilidades com os demais que partilham a via", disse a juíza presidente durante a leitura do acórdão.