O vice-presidente da Assembleia da República Jorge Lacão manifestou hoje em nome de todo o parlamento condolências às famílias das vítimas do incêndio que deflagrou no sábado em Pedrógão Grande e que provocou pelo menos 43 mortos.

"Em nome do senhor presidente da Assembleia da República, em meu próprio e de todo o parlamento, manifesto sentidas condolências às famílias desta extraordinária catástrofe que a todos nos afeta", declarou Jorge Lacão à agência Lusa.

"Às populações de Pedrógão Grande, Castanheira de Pera e de Figueiró dos Vinhos, seus responsáveis autarcas, bombeiros, autoridades de segurança e a todos aqueles que tão empenhadamente se têm mobilizado para minimizar os efeitos trágicos deste incêndio manifesto solidariedade institucional profunda e pesar a todos quantos partilham a dor deste momento", disse Jorge Lacão.

O número de mortos no incêndio rural que deflagrou no sábado em Pedrógão Grande, no distrito de Leiria, e se alastrou a Figueiró dos Vinhos e Castanheira de Pera aumentou para 43, disse hoje o secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes.

O vice-presidente da Assembleia da República vai deslocar-se hoje a Pedrógão Grande para apresentar pessoalmente as condolências num momento que considerou ser de "profunda unidade nacional", que afeta todo o país.

O presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues, encontra-se ausente do país a acompanhar a participação portuguesa na Taça das Confederações.