A sessão de domingo da peça "Fátima, história de um milagre", no Teatro Sá da Bandeira, no Porto, foi cancelada pela produtora, em solidariedade pela morte de cinco peregrinos que foram atropelados este sábado em Cernache, Coimbra.

A produtora teatral Embaixada do Conhecimento decidiu cancelar a sessão de domingo da peça, que está cena na Sala Estúdio daquele teatro, por respeito às vítimas do atropelamento e "em solidariedade com as famílias e população".

A peça, escrita e interpretada por Nuno Miguel Henriques, "conta e aborda temáticas de fé e de peregrinação, que originaram um milagre, precisamente de um caminhante peregrino a Fátima", descreve a produtora.

Um grupo de cerca de 80 peregrinos de Mortágua, que se dirigia para Fátima pelo IC2, foi vítima de um atropelamento em Cernache, Coimbra, cerca das 04:00, após o despiste de um automóvel que seguia no sentido Coimbra/Condeixa.

O carro atropelou alguns dos peregrinos precisamente numa zona de bermas estreitas, onde o trânsito automóvel está reduzido a duas vias, devido à criação de uma faixa de segurança para possibilitar a circulação de peregrinos.

As cinco vítimas mortais tinham entre 17 e 53 anos.

O condutor do automóvel que provocou o acidente sofreu ferimentos ligeiros, foi constituído arguido e vai ser ouvido em tribunal segunda-feira.

A autarquia de Mortágua, no distrito de Viseu, decretou três dias de luto municipal.