Luís Meira, atual diretor do departamento de formação em emergência médica do INEM, deverá ser o novo presidente do instituto, em regime de substituição.
 
O ministério da Saúde não confirma esta informação, mas fonte ligada ao INEM garante que Luís Meira assumirá o cargo.
 
A mudança surge depois de Paulo Macedo ter instaurado um processo disciplinar ao atual presidente, Paulo Campos, na sequência da intervenção deste na transferência de uma doente de Cascais para Abrantes, em helicóptero do Instituto, em janeiro deste ano.