Um homem de 48 anos, de Paços de Ferreira, ficou em prisão preventiva, depois de ter reincidido num crime de violência doméstica, informou a autoridade policial.

Segundo a GNR, a detenção ocorreu na terça-feira, em flagrante delito, depois de o suspeito ter agredido fisicamente a sua esposa.

A vítima refugiou-se em casa de um vizinho, onde foi localizada pelos militares da GNR.

"Durante o acompanhamento da vítima a sua casa, com vista à retirada de bens de primeira necessidade, o agressor voltou a molestar a vítima, dirigindo-lhe ameaças de morte e ofensas verbais, na presença dos militares, facto pelo qual lhe foi dada ordem de detenção", lê-se num comunicado policial.

De acordo com a GNR, a vítima teve necessidade de receber tratamento hospitalar.