A queda de um extintor hoje na Escola Básica Integrada de São Vicente de Pereira Jusã, em Ovar, levou hoje à hospitalização de onze alunos, com idades entre os 12 e 17 anos, disse à Lusa fonte hospitalar.

Os alunos, quatro rapazes e sete raparigas, foram transportados para o Hospital São Sebastião, em Santa Maria da Feira, onde receberam tratamento, tendo três deles já tido alta.

Os restantes oito continuavam em vigilância em Pediatria, pelas 18:30, prevendo-se a alta de todos até ao final do dia.

O alerta para os Bombeiros de Ovar foi dado cerca das 10:30.

Em declarações à agência Lusa, o comandante dos Bombeiros de Ovar, Carlos Borges, disse que o acidente terá tido origem na queda de um extintor que se encontrava no átrio de entrada do edifício.

"Um dos miúdos tocou no extintor que caiu ao chão e libertou o pó, que envolveu as crianças que se encontravam no local", disse o comandante Carlos Borges.

Segundo o mesmo responsável, alguns alunos começaram a sentir uma irritação na garganta e foram assistidos no local, tendo sido posteriormente transportados para o hospital.