Mais de 5.000 veículos que circulavam em excesso de velocidade foram detetados pela GNR durante uma operação de controlo intensivo da velocidade realizada de 19 a 25 de agosto, informou hoje esta força de segurança.

Durante a «Operação Tispol», realizada em vias onde as infrações por excesso de velocidade são mais frequentes, foram controlados 327.606 veículos, dos quais 5.025 circulavam em velocidade excessiva, refere uma nota da GNR.

Segundo o comunicado da GNR, entre 19 e 25 de agosto, registaram-se 1.385 acidentes, mais 21 do que em igual período de 2012. Dos acidentes resultaram oito mortos (em período homólogo de 2012 cifraram-se em 13), 24 feridos em estado considerado grave (menos 13 que no ano passado) e 433 feridos em estado considerado ligeiro (menos 99 que no mesmo período de 2012).

Durante aquela operação foram realizadas 732 ações de fiscalização, por 1.639 militares de todos os comandos territoriais e da Unidade Nacional de Trânsito.

Esta operação da GNR integra-se em similares realizadas no âmbito da European Traffic Police networks (TISPOL), organismo que agrega todas as polícias de trânsito da Europa com vista a diminuir as consequências da sinistralidade rodoviária associada ao excesso de velocidade.