A PSP deteve 69 condutores e multou 114 por excesso de álcool durante uma operação de 24 horas que teve como objetivo fiscalizar a condução sob a influência de bebidas alcoólicas, indicou esta segunda-feira aquela força de segurança.

Em comunicado citado pela Lusa, a Polícia de Segurança Pública adianta que perto de 1.500 polícias estiveram envolvidos na operação “Risco Mínimo”, que decorreu entre sexta-feira e sábado durante 24 horas e teve como finalidade fiscalizar a condução sob a influência de álcool e alertar os portugueses para os seus perigos e consequências.

Durante a operação, a PSP fiscalizou mais de cinco mil condutores que, na maioria, revelaram ter taxa de álcool no sangue dentro dos limites legais.

No entanto, a PSP deteve 69 pessoas por condução sob influência de álcool e registou 114 infrações (graves e muito graves) por taxa superior à prevista na lei.

Durante as 24 horas da operação, a PSP fiscalizou também mais de oito mil viaturas por radar, tendo sido detetadas 89 contraordenações leves, 172 graves e 18 muito graves.

A Polícia refere ainda que, no âmbito desta operação, foram levantados mais de 980 autos de contraordenação por infrações ao Código da Estrada.