Um médico de Oliveira de Azeméis é acusado por três irmãs adolescentes de abusos sexuais praticados durante as consultas num centro de saúde daquele concelho.
 
O pai das menores, que têm entre 14 e 17 anos, já apresentou queixa na GNR, conta o Correio da Manhã.
 
O queixoso e as menores contaram também que foram filmadas durante as consultas, sem roupa. Ao que tudo indica, com base nos relatos das jovens, não houve consumação do ato sexual.
 
As menores garantem que os abusos ocorreram no consultório do médico, durante as consultas de rotina.
 
O caso já está a ser investigado pela Polícia Judiciária, mas, até ao momento, as alegadas vítimas ainda não foram inquiridas, assim como o médico, que continua em funções.
 
O caso ainda não foi participado ao centro de saúde. Só apos o suspeito ser interrogado é que será aberto um processo interno.