A escultora Graça Costa Cabral, de 76 anos, faleceu na quinta-feira à noite, anunciou a direção do Centro de Arte e Comunicação Visual (Ar.Co), em Lisboa, da qual foi fundadora.

De acordo com a entidade, que anunciou a morte da escultura na rede social Facebook, o corpo da artista plástica vai estar em câmara ardente a partir das 19:00 de hoje, na Igreja Nossa Senhora da Encarnação, ao Chiado, em Lisboa.

 
 

Graça Costa Cabral (1939-2016)A Direcção cumpre o dever de informar que faleceu ontem, dia 21, à noite, a escultora...

Publicado por Ar.Co - Centro de Arte e Comunicação Visual em  Sexta-feira, 22 de Janeiro de 2016

No sábado, será celebrada uma missa na mesma igreja, pelas 12:00.

Nascida em São Miguel, nos Açores, em 1939, Graça Costa Cabral tirou o curso de Escultura na Escola Superior de Belas Artes de Lisboa, e vivia e trabalhava em Lisboa.

Foi, com o marido, Manuel Costa Cabral, fundadora do Ar.Co., em 1973, e ao longo de mais de 40 anos acompanhou o centro de artes como professora, responsável por setores de formação, e presidente da direção.

Associação cultural sem fins lucrativos, com estatuto de utilidade pública, o Ar.Co dedica-se desde a fundação à experimentação, formação e divulgação das artes e disciplinas da comunicação visual, desde o desenho, fotografia, pintura, escultura, joalharia e cerâmica.