José Ramos Mateus, vice-provedor da Santa Casa da Misericórdia de Santa Cruz e membro da Comissão da Ilha das Flores do PCP, morreu na terça-feira, aos 66 anos, informou hoje o PCP/Açores.

Em comunicado, a direção da organização da Região Autónoma dos Açores do PCP lamenta a morte do "destacado militante”.

José Ramos Mateus era membro da Comissão da Ilha das Flores do PCP, tendo sido, durante vários mandatos, deputado municipal na Assembleia Municipal de Santa Cruz das Flores, eleito pela CDU, e conselheiro do Conselho de Ilha pelo Partido Comunista.

Na Comissão de Ilha do partido, fez parte do executivo, do secretariado e da Comissão Permanente. Integrou a Comissão de Concelhia de Santa Cruz das Flores e chegou a ser dirigente regional do partido, tendo integrado a Direção da Organização da Região Autónoma dos Açores do PCP.

O militante comunista foi bombeiro no aeroporto da ilha e funcionário da ANA, tendo sido membro da Subcomissão de Trabalhadores do Aeroporto das Flores e delegado sindical do SITAVA e integrado, ainda, a Comissão Nacional de Trabalhadores da ANA.