O corpo do pescador desaparecido a 11 de fevereiro na sequência do naufrágio de uma embarcação de pesca no Tejo foi recuperado na quarta-feira junto ao Parque das Nações, informou  esta quinta-feira a Capitania do Porto de Lisboa.

De acordo com o adjunto do Capitão do Porto de Lisboa, comandante Cruz Gomes, o corpo foi recuperado naquela zona de Lisboa cerca das 09:30 de quarta-feira, por uma embarcação da Autoridade Marítima, tendo sido confirmada a identidade da vítima.

Trata-se do corpo de um pescador profissional, de 45 anos, que era residente na zona de Almada, desaparecido no rio Tejo no dia 11 de fevereiro, na sequência do naufrágio de uma embarcação de pesca a jusante da ponte Vasco da Gama, perto do Parque das Nações.

No barco seguiam três tripulantes, dois dos quais foram resgatados pela Polícia Marítima e pela Força Aérea Portuguesa.

A embarcação em causa, de nome «Nitinha», estava registada na delegação marítima do Barreiro e foi encontrada.
Segundo a Capitania, continua desaparecido no Tejo um homem de 50 anos que no passado domingo terá ido apanhar amêijoa na zona do Barreiro.