A GNR de Aveiro anunciou esta sexta-feira que fiscalizou mais de cem stands de venda de automóveis usados no distrito, na tarde de quinta-feira, tendo detetado várias infrações que deram origem a 460 autos de contraordenação.

A operação teve como principal finalidade verificar o cumprimento das normas que regem o setor e a salvaguarda dos direitos do consumidor.

Numa nota, a GNR refere que foram fiscalizados 145 estabelecimentos e que entre as infrações se destacam a falta de alvará, a falta de inscrição no cadastro de estabelecimentos comerciais e a falta de prestação de informações obrigatórias ao cliente.

O uso de formas de publicidade proibidas e o incumprimento da legislação ambiental foram outras das irregularidades detetadas.

Durante a operação foram ainda levantados dois processos-crime por reprodução ilegítima de programa protegido e foi elaborado um auto de notícia por suspeita de tráfico/viciação de viatura.

As autoridades apreenderam ainda duas máquinas de jogo de fortuna ou azar.

Na operação estiveram envolvidos 162 militares de todos os postos do Comando Territorial de Aveiro, bem como militares da estrutura de Investigação Criminal e do Serviço de Proteção da Natureza e Ambiente.