Desde o dia 23 até ao início deste sábado morreram nove pessoas nas estradas portuguesas, mais do dobro das vítimas registadas no ano passado. Este ano, a operação «Natal Tranquilo», que decorre até domingo, contabilizou também mais três feridos graves, 15 no total. 

Só nas últimas 24 horas três pessoas perderam a vida a caminho de um qualquer destino e quatro ficaram feridas com gravidade. Na sexta-feira registaram-se, assim, 173 acidentes, em que 38 pessoas sofreram ferimentos ligeiros, contou à agência Lusa fonte da GNR.

No balanço dos quatro dias decorridos da operação «Natal Tranquilo», contam-se 152 feridos ligeiros, menos 164 do que em 2013.

Comparando com o dia 26 de dezembro do ano passado, na sexta-feira foram registados menos 63 acidentes, mais duas vítimas mortais, igual número de feridos graves (quatro) e menos 28 feridos ligeiros.

Já na madrugada deste sábado, houve um outro acidente que resultou numa vítima mortal, em Peniche, o que eleva para nove mortos o balanço até agora.

Recordamos, novamente, que a operação «Natal Tranquilo 2014» foi iniciada às 00:00 de dia 23 e decorre até dia 28, inclusive.