O jornalista e delegado da Antena 1 em Bruxelas, Luís Ochôa, morreu esta terça-feira de madrugada na capital belga vítima de AVC, segundo uma nota interna enviada aos trabalhadores da RTP e da estação de radio.

Segundo a nota, a que a Lusa teve acesso, Luís Ochôa «faleceu esta madrugada em Bruxelas, vítima de AVC».

Luís Ochôa nasceu a 28 maio de 1951, era casado e tinha duas filhas.

O jornalista fez carreira na RDP, para onde entrou em 1980, depois de ter sido jornalista na ANOP (Agência Noticiosa Portuguesa).

Depois de ter sido editor e chefe de redação, Luís Ochôa foi duas vezes diretor de informação da RDP, a primeira durante pouco mais de um mês, em 1994, e a segunda de 1998 a 2003, altura em que pediu a demissão.

Pouco depois foi nomeado delegado da Antena 1 em Bruxelas, cargo que desempenhava até ao momento.