Um homem com cerca de 38 anos morreu, esta sexta-feira de manhã, em São Cristóvão de Nogueira, no concelho de Cinfães, quando estava a lançar fogo-de-artifício, disse à TVI24 fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Viseu. O acidente aconteceu no primeiro dia das festividades de São Cristóvão.

Segundo a mesma fonte, “houve uma explosão quando estava a lançar fogo-de-artifício junto a uma igreja, numa festa”. O alerta foi dado cerca das 09:25.

O homem foi declarado morto no local e o incidente não provocou feridos. A vítima era mordomo das festas e pertencia à comissão de festas, que ainda está a ponderar se cancela as festividades. 

Ao local deslocaram-se seis viaturas, com 21 operacionais.

O homem deixa dois filhos menores e a família está a receber apoio psicológico.