a greve desta terça-feira dos enfermeiros

“Esta paralisação, no presente momento, causa estranheza sobretudo porque estava em curso um processo negocial com vista à decisão de um conjunto de matérias que o SEP vinha solicitando há muito - nomeadamente a harmonização das remunerações dos enfermeiros com Contrato Individual de Trabalho (CIT) que se encontravam abaixo do valor de entrada em contrato de trabalho em funções públicas, isto é abaixo de 1.200”, prossegue o documento.


“O Ministério da Saúde também estranha esta greve, pois ao longo das reuniões de trabalho realizadas não foram evidenciadas discordâncias insanáveis que comprometessem um acordo final”.