O ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, entregou esta sexta-feira 23 viaturas à PSP, que faz parte de um investimento total para as forças de segurança de cerca de 14 milhões de euros.

A entrega das viaturas decorreu na cerimónia solene de encerramento dos cursos da Unidade Especial de Polícia (UEP) da PSP: Curso de Operações Especiais, Curso de Inativação de Explosivos e Segurança em Subsolo e Curso de Deteção de Estupefacientes e Armas.

No final, Miguel Macedo disse aos jornalistas que fez questão de participar na cerimónia, porque «traduz o continuado esforço» em «áreas de formação muito específicas e muito relevantes para a missão da PSP».

«São 43 novos elementos da polícia de segurança que concluíram com êxito cursos muito exigentes em especializações que são muito relevantes para a Polícia de Segurança Pública», adiantou o ministro.

Miguel Macedo disse que quis assinalar a cerimónia «com o primeiro lote de entrega de veículos dos muitos processos que estão a decorrer de aquisição de veículos e que se traduzem num investimento total para as forças de segurança de cerca de 14 milhões de euros».

Lembrou que «uma parte da entrega» já tinha sido feita à Guarda Nacional Republicana (GNR), mas que ainda «falta concluir muitos desses processos de aquisição de veículos».

O ministro da Administração Interna lamentou o facto de estes processos serem «muito morosos», sobretudo tendo em conta «aquilo que são as especificidades e as necessidades das forças de segurança».

«É tempo a mais para concluir este tipo de processos», sustentou.

Para o comandante da Unidade Especial de Polícia, Azevedo Ramos, «é sempre importante» o reforço de meios para as forças de segurança.

«Este reforço de meios é sempre importante para que se consigam manter níveis de operacionalidade e de projeção de pessoal que sejam os suficientes para termos a capacidade de fazer esse reforço e apoio ao nível do território nacional», afirmou Azevedo Ramos à margem da cerimónia.

Azevedo Ramos adiantou que há sempre «a necessidade de salvaguardar sempre um número mínimo de efetivos que tenha especialização e formação técnica».

Após a cerimónia, Miguel Macedo visitou uma exposição com os novos meios recentemente adquiridos pela PSP, entre eles mais de duas dezenas de viaturas nas áreas de ¿assalto¿ policial, canídeos, explosivos, patrulha e operações específicas, que serão distribuídas pelas UEP e por diversos Comandos a nível nacional.