A chuva está de volta no fim de semana. O fim de semana vai ser marcado por períodos de céu muito nublado, aguaceiros fracos e queda de neve acima dos 600/800 metros nas regiões norte e centro.

De acordo com a meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), até terça-feira estão previstos aguaceiros fracos, céu muito nublado e queda de neve, regressando o tempo seco a partir de terça-feira.

“Para hoje, já estamos a prever céu geralmente muito nublado, apresentando-se pouco nublado durante a manhã, períodos de chuva fraca, passando a regime de aguaceiros, queda de neve acima dos 1.400/1.600 metros, descendo a quota para os 600/800 metros a partir da tarde, e vento moderado a forte, com rajadas da ordem dos 70/80 quilómetros por hora nas terras altas”, adiantou a especialista.

No sábado, avançou Madalena Rodrigues, prevê-se períodos de céu muito nublado, aguaceiros, em especial no litoral, que serão fracos e pouco frequentes na região sul, queda de neve acima dos 600/800 metros nas regiões do norte e centro e vento moderado diminuindo de intensidade.

“No domingo vamos ter períodos de céu muito nublado, aguaceiros fracos nas regiões norte e centro, em especial no litoral, e que serão de neve acima dos 600/800 metros, vento fraco a moderado de noroeste, soprando moderado a forte no litoral e nas terras altas, formação de gelo ou geada e pequena descida da temperatura mínima”, salientou.

No que diz respeito às temperaturas, Madalena Rodrigues adiantou que “vão sofrer apenas subidas e descidas ligeiras, nada de significativo”.

“Durante o dia de hoje vamos ter uma descida da temperatura máxima, em especial nas regiões do interior e no sábado nova descida, mas nada de muito significativo. Estamos a prever valores negativos da temperatura mínima no interior norte e centro e máximas que não devem ultrapassar os 15 graus Celsius, exceto em Faro que pode chegar aos 16/17”, disse.

A meteorologista do IPMA adiantou que hoje e sábado, os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Coimbra, Leiria e Lisboa vão estar sob ‘Aviso Amarelo’ devido à agitação marítima, prevendo-se ondas de noroeste com 04 a 4,5 metros.

O ‘Aviso Amarelo', o terceiro mais grave de uma escala de quatro, alerta para situações de risco para determinadas atividades dependentes das condições meteorológicas.

Segundo a especialista, na segunda-feira ainda estão previstos aguaceiros fracos, mas a partir de terça-feira a previsão aponta para tempo seco e subida da temperatura.