Sete distritos da costa portuguesa estão esta terça-feira sob aviso amarelo devido à previsão de agitação marítima, com ondas de quatro a quatro metros e meio, informa Instituto Português do Mar e da Atmosfera no seu site.

O IPMA revela que colocou sob aviso amarelo os distritos do Porto, Viana do Casteloa, Lisboa, Leiria, Aveiro, Coimbra e Braga, entre as 03:00 de hoje e as 03:00 de quinta-feira.

Para os sete distritos da orla costeira estão previstas ondas de noroeste com quatro a quatro metros e meio.

As barras marítimas de Esposende e de São Martinho do Porto encontram-se fechadas a toda a navegação, enquanto três outras estão condicionadas, informa a Marinha Portuguesa no seu site oficial na Internet.

A barra da Póvoa do Varzim encontra-se condicionada a embarcações com calado superior a dois metros, enquanto a de Vila do Conde está vedada a embarcações com comprimento inferior a 12 metros.

Já a barra da Figueira da Foz encontra-se fechada a embarcações com comprimento inferior a 11 metros.

Para hoje, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para as regiões do norte do sistema montanhoso Montejunto-Estrela céu geralmente muito nublado, com períodos de chuva fraca ou chuvisco na região norte e no litoral da região centro, diminuindo gradualmente de frequência a partir da tarde.

Prevê ainda vento em geral fraco e uma pequena descida da temperatura mínima.

Já nas regiões a sul, o IPMA admite céu geralmente pouco nublado, apresentando-se muito nublado no Alentejo até meio da manhã, com possibilidade de ocorrência de períodos de chuva fraca ou chuvisco. Está prevista igualmente uma pequena descida da temperatura mínima, em como uma pequena subida da temperatura máxima.

Para os Açores, as previsões são, para os três grupos de ilhas, de períodos de céu muito nublado com abertas e aguaceiros fracos na madrugada e manhã, enquanto para a Madeira o IPMA prevê céu geralmente muito nublado e possibilidade de ocorrência de aguaceiros fracos nas vertentes norte.

Quanto às temperaturas, as mínimas rondam os 10 graus centígrados de Lisboa, onde estão previstos 19 de máxima, os 11 de Faro, que será a cidade mais quente com 20 graus de máxima, e os 12 de mínima e 14 de máxima no Porto.

A Guarda será a cidade mais fresca, com cinco graus de mínima e 12 de máxima, enquanto em Portalegre os termómetros podem chegar 17, com sete de mínima. Évora irá oscilar entre os nove de mínima e os 19 de máxima.

No Funchal, as temperaturas vão dos 13 de mínima aos 19 de máxima, enquanto nos Açores, os termómetros vão oscilar entre os 10 de mínima e os 17 de máxima que se vão fazer sentir em Santa Cruz das Flores, Angra do Heroísmo e Ponta Delgada. A cidade da Horta vai oscilar entre os 11 de mínima e os 16 de máxima.