Uma adolescente portuguesa, que vive com os pais na Suíça, foi detida no aeroporto de Sidney, na Austrália, depois de ter fugido de casa. A rapariga, de 15 anos, atravessou o mundo para ir ao encontro de um rapaz da mesma idade que conheceu na Internet.

A detenção desta cidadã portuguesa na Austrália foi confirmada à TVI24 por uma fonte dos serviços consulares, que “se congratula pelo facto do sistema internacional de deteção de pessoas desaparecidas ter funcionado bem”.

A menor foi detida pelas autoridades australianas no aeroporto de Sidney, na quinta-feira, e foi encaminhada para uma instituição, onde espera a chegada dos pais.

No início desta semana, a jovem foi dada como desaparecida na Suíça, onde vive com os pais há vários anos.

As autoridades helvéticas alertaram a Interpol, por haver suspeitas de que a menor tivesse saído do país, e um alerta mundial foi dado para todos os aeroportos.

Apesar de não poder viajar sozinha, por ser menor, a rapariga conseguiu escapar aos controlos e saiu do país. A adolescente acabou por chegar a Sidney, onde foi identificada no controlo de fronteiras e retida pelos serviços policiais australianos.

A jovem portuguesa aguarda agora numa instituição de Sidney até que os pais a possam ir buscar.