A PSP está esta terça-feira de manhã a efetuar uma grande operação de combate ao tráfico de estupefacientes nas zonas da Amadora e Sintra, com 33 buscas domiciliárias e um efetivo de mais de 200 operacionais.

O porta-voz do Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis) da PSP, comissário Rui Costa, adiantou à agência Lusa que a operação teve início às 07:00 de hoje, com 31 buscas domiciliárias no Bairro 6 de maio, na Venda Nova, Amadora, e duas outras em dois locais distintos no concelho de Sintra.

Esta mega operação é o culminar de uma investigação iniciada «há seis meses» pela PSP, de combate ao tráfico de estupefacientes, nomeadamente a venda direta aos consumidores, explicou Rui Costa.

Na operação, que cercou o Bairro 06 de maio, estão envolvidos mais de 200 homens, entre os quais um efetivo da Unidade Especial de Polícia, composto pelo Corpo de Intervenção, Grupo de Operações Especiais e Grupo Operacional Cinotécnico, além de um dispositivo de ordem pública e de investigação criminal do Cometlis.

A mesma fonte policial referiu à Lusa que cada busca domiciliária deverá durar cerca de uma a uma hora e meia, sendo as casas passadas «a pente fino».

Cerca das 07:45, hora do contacto pela Lusa, ainda não havia uma contabilização de detenções ou de quantidade de droga apreendida, de acordo com a Lusa.