Os ministérios da Saúde e das Finanças autorizaram o Hospital de Barcelos a contratar enfermeiros, ultrapassando-se assim o «receio» do PCP de que a falta destes profissionais ponha em causa a prestação de cuidados de saúde, informou fonte oficial.

Em comunicado enviado esta quarta-feira à agência Lusa, o ministério liderado por Paulo Macedo responde à preocupação manifestada terça-feira pelo PCP, que questionou o Governo sobre quando é que o Ministério das Finanças iria autorizar a contratação daqueles profissionais.

Segundo o gabinete de Paulo Macedo, aquela unidade hospitalar «foi autorizada no início desta semana, pelos ministérios das Finanças e Saúde, a contratar 10 enfermeiros e quatro assistentes operacionais».

O comunicado dá ainda conta de que, no início deste ano, o Hospital de Santa Maria Maior teve a autorização para contratar dois médicos.

O Ministério da Saúde sublinha que, «deste modo, ficam ultrapassados os receios daquele partido (PCP) quanto à falta de profissionais em Barcelos estar a pôr em causa a prestação de cuidados de saúde à população».