Faculdade de Ciências do Porto proíbe praxes para evitar «bestas e bárbaros»