A chuva ameaça atrapalhar os festejos carnavalescos e cair em todo o país até terça-feira, disse hoje â agência Lusa o meteorologista Ricardo Tavares, do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

«Até terça-feira prevemos céu em geral muito nublado, precipitação todos os dias, em especial no norte e centro, mas no sul também vai haver alguma», acrescentou.

Segundo o meteorologista, a queda de precipitação melhora a partir de segunda-feira à tarde, mas o dia de terça-feira começa com chuva fraca no norte e centro, que se torna moderada a partir do final da tarde.

«Na segunda-feira só chove no norte e centro, diminuindo a nebulosidade a partir do meio da tarde em todo o país», precisou.

O IPMA prevê, ainda, queda de neve até ao início da manhã de sábado a partir dos 1.000 a 1.200 metros de altitude, voltando a cair a partir do final da tarde de domingo entre os 800 e os 1.000 metros de altitude.

«A situação mantém-se na segunda e terça-feira e a tendência é que a cota de neve comece a subir para os pontos mais altos da Serra da Estrela», disse o meteorologista.

Quanto ao vento, vai soprar forte nas terras altas e fraco a moderado no resto do país.

Segundo Ricardo Tavares, para o fim de semana estão previstas rajadas de 90 quilómetros/hora nas terras altas, tendo sido acionado um aviso amarelo entre as 06:00 de sábado e as 06:00 de domingo.

A agitação marítima vai manter-se forte a norte do Cabo Raso, estando em vigor um aviso amarelo até às 12:00 de domingo e uma previsão de um agravamento a partir da manhã de segunda-feira.