Seis pessoas ficaram desalojadas e várias ruas ficaram quase intransitáveis devido à forte chuva que caiu esta segunda-feira no concelho do Barreiro durante cerca de meia hora, disseram à agência Lusa fontes dos bombeiros locais.

«Demos resposta a um total de 35 ocorrências. Os casos mais graves são de uma família de seis pessoas na rua Padre Abel Varzim que ficou desalojada, devido a uma infiltração na cobertura, e o encerramento da rua Miguel Bombarda, pois o túnel ficou inundado», afirmou fonte do corpo de Bombeiros de Salvação Pública.

Segundo a mesma fonte, foram várias as ruas que ficaram quase intransitáveis devido à chuva, tendo-se também registado casos de outras pequenas inundações.

Os Bombeiros de Salvação Pública estiveram no terreno com seis viaturas e 22 elementos.

A outra corporação de bombeiros do concelho, a dos Bombeiros Sul e Sueste, também registou mais de uma dezena de ocorrências.

«Na nossa área de intervenção não tivemos casos de gravidade. Foram problemas nas estradas, como no caso da Rotunda do Lavradio ou Largo das Obras, e pequenas inundações, em especial por problemas nos telhados e algerozes», disse fonte da corporação.