A Marinha informou, em comunicado, nesta terça-feira, que entre sábado e segunda foram registadas ondas de 12 metros e de 11 metros pelas boias oceânicas do Instituto Hidrográfico na Nazaré e em Leixões.

“O temporal, originado pela propagação de uma baixa pressão no Atlântico Norte, gerou ondulação de oeste-noroeste de forte intensidade”, indica a Marinha.

A rede de monitorização do Instituto Hidrográfico registou na “boia oceânica da Nazaré uma altura significativa de 6,6 metros pelas 16:00 do dia 10 (domingo) e uma altura máxima de 12,2 metros no dia 9 de janeiro (sábado)”.

Na boia oceânica de Leixões foram registadas ondas de 11,3 metros no dia 11 de janeiro (segunda-feira).

A Marinha informou também que foram “observados valores de velocidade de vento com um máximo de 86 quilómetros/hora na boia oceânica de Leixões”.