A neve intensa que está a cair na Serra da Estrela levou ao corte das estradas de acesso ao maciço central, disse à Lusa fonte do Comando Distrital de Operações e Socorro de Castelo Branco.

Os troços entre Piornos/Torre e Torre/Lagoa Comprida/Loriga, Loriga/Sabugueiro e Sabugueiro/Gouveia/Penhas Douradas/Manteigas estão todos fechados à circulação automóvel, pelo menos desde as 07:45.

A decisão de cortar o trânsito foi tomada por "razões de segurança" e devido à "queda de neve intensa". Às 10:30 apenas se mantinham abertos os troços entre Covilhã/Piornos, Seia/Sabugueiro e Manteigas/Covilhã.

Também em Viseu, a estrada nacional 321, entre Castro Daire e Cinfães, e outras duas municipais foram cortadas pelas 11:00 igualmente por causa da neve: a 553 (entre Resende e Feirão) e 553-1 (entre Resende e Bigorne).

Três viaturas ficaram retidas na neve – em Cinfães, em Resende e nas Portas do Montemuro – mas não há nenhuma situação grave a registar, segundo o CDOS. 

Tanto o Instituto Português do Mar e da Atmosfera como a Proteção Civil emitiram avisos e alertas de mau tempo, respetivamente, por causa do frio, chuva, neve e agitação marítima.

A partir desta sexta-feira à tarde o aviso amarelo passa a laranja, o segundo mais grave numa escala de quatro, em 10 distritos do norte e centro.

Assim sendo, todo o cuidado na estrada é pouco. No fim de semana, a situação não vai melhorar: até em locais pouco habituais como as serras de Sintra e Monchique deverá nevar.