O rapaz de 15 anos que foi na quarta-feira esfaqueado no pescoço por outro jovem, em Lavra, Matosinhos, está internado nos Cuidados Intensivos do Hospital de S. João, no Porto, e encontra-se «estável», disse à Lusa fonte hospitalar.

O motivo desta agressão violenta terá sido um piropo que o jovem mandou à namorada do agressor.

A informação foi dada à Agência Lusa por fonte do Centro Hospitalar de S. João, por volta das 14:30.

O rapaz foi na quarta-feira esfaqueado à porta da Escola Básica (EB) 2,3 José Domingues dos Santos, em Lavra, Matosinhos, alegadamente por um jovem de 17 anos de outra escola, em Perafita, no mesmo concelho, refere a edição de hoje do «Jornal de Notícia».

De acordo com o mesmo jornal, o agressor foi detido pela GNR, entregue à Polícia Judiciária e, depois de presente no Tribunal de Instrução Criminal do Porto, ficou sujeito a prisão domiciliária.