Ficou em prisão preventiva o jovem de 19 anos que foi detido na quarta-feira por suspeitas de ter matado o irmão, de 23, com uma faca, no bairro da Boavista, em Lisboa.  

O suspeito foi presente a primeiro interrogatório judicial no Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa, no Campus da Justiça, tendo o juiz de instrução criminal aplicado a medida de coação mais gravosa: prisão preventiva, segundo inficou fonte policial à Lusa.

O alerta do homicídio foi recebido por volta da 01:00 de quarta-feira e o suspeito acabou detido pela polícia minutos após o crime.

A vítima ainda foi encaminhada para o hospital de Santa Maria, em Lisboa, mas acabou por morrer.

A TVI apurou junto de fonte familiar que na origem do crime esteve uma discussão relacionada com o quarto onde ambos dormiam. O alegado homicida não terá concordado em partilhar o quarto com a namorada do irmão.

O jovem de 19 anos não tem antecedentes criminais. A vítima, de 23, tem antecedentes de violência doméstica e deixa um filho de três anos.

A investigação prossegue a cargo da Polícia Judiciária.